Cidade em tópicos, Jornalismo, Londres

A cidade em tópicos – Parte IV

* JORNAIS E REVISTAS

A variedade de jornais e revistas em Londres é impressionante. Curioso também é que boa parte é distribuída de graça nas ruas e nas estações de metrô e de trem. Além disso, os jornais que são pagos custam cerca de 25 pences, o que não chega a 1 real com a cotação atual.
Outro detalhe interessante é que a população tem um hábito de leitura muito forte. Principalmente quando começa a circular o Metro e o London Evening Standard, respectivamente no início da manhã e no fim da tarde, esta característica fica evidente. Cada um pega o seu jornal e aproveita o tempo no transporte público para ficar atualizado sobre o que acontece na Inglaterra e no mundo.
Muitas revistas também são gratuitas. Geralmente elas são segmentadas, por exemplo: de esportes, moda, voltada para o público feminino ou masculino.
Por último, vale destacar o sistema de “leia e passe adiante” (projeto que a Fac. de Comunicação Social da PUCRS tentou organizar, mas que não funcionou). Cada um lê a publicação escolhida e quando vai embora do metrô ou do trem a deixa no banco. Assim, outro passageiro pode aproveitar e dar uma olhadinha também 😉

Veja também a parte I – Transporte.

Veja também a parte II – Alimentação.

Veja também a parte III – Clima.

Veja também a parte V – As mídias brasileiras.

Veja também a parte VI – A vida em casa de estudante/ dividindo casa ou flat.

Anúncios
Jornalismo, Mundo jornalístico

Projeto Experimental

Enfim terminamos mais um projeto da faculdade. No início eu não tinha gostado da proposta gráfica, mas o resultado final promete ficar muito bom. O tema da revista era noite. Minha matéria foi sobre o Sofazão e troca de casais. Seguem as páginas, ganhei as centrais!

Crédito para as minhas ajudantes Camila Genz e Laura Simon. A primeira foto é pela proposta da mudança de conceitos nas relações. As outras duas foram boladas a partir da ideia de sombras (afinal, quem vai no Sofazão, na maioria das vezes, vai pela sombra, é um outro lado da pessoa). Fizemos bonequinhos de papel e projetamos com uma luz na parede. Assim, as imagens são das sombras dos desenhos.

Jornalismo, Matéria, Observações

Mulheres

Conheci mulheres apaixonantes nos últimos dias. A Ana Rita, a Darmiana e a Márcia. As três abriram as suas vidas para mim e para o Matheus (grande dupla de reportagem). Contaram histórias íntimas e extremamente dolorosas. Elas são as viúvas da violência da nossa matéria de Produção em Revista.
Mulheres que perderam uma das pessoas que mais amavam de forma brutal. Ficaram apenas com a angústia e com a lembrança viva do amor que tiveram: os filhos.
Eu tive a missão de contar um pouquinho mais delas através de fotografias. Aqui uma amostra do trabalho que está tirando o meu fôlego nas últimas semanas. Assim que o texto for finalizado vou postar.
* As fotos da Darmiana estão no pen drive e o pen drive está com o Gilliar e o Gilliar está na PUC. Ou seja, sem fotos da Darmiana por hoje.

Ana Rita com a pequena Camille
Ana Rita com a pequena Camille
A família que restou
A família que restou
Camille com um quadro feito pelo pai enquanto ele estava preso
Camille com um quadro feito pelo pai enquanto ele estava preso
Um dos meninos da Márcia
Um dos meninos da Márcia
Márcia e os três dos quatro filhos
Márcia e os três dos quatro filhos

 

Confira a matéria e as páginas da revista nos links!