Brazilian News, Cidade em tópicos, Jornalismo, Londres

A cidade em tópicos – Parte V

* AS MÍDIAS BRASILEIRAS

Nunca imaginei que iria encontrar tantos veículos de comunicação brasileiros em Londres. São revistas e jornais para todos os gostos (e todos de graça!). Abaixo algumas observações dos que já tive contato (existe também a revista Verbo, mas ainda não li nenhuma edição para analisar).

Brazilian News: Jornal semanal com uma média de 36 páginas por edição. Páginas coloridas e preto e branco. Diagramação discreta com bastante fotos, a maioria de divulgação.
É o jornal no qual eu trabalho. Sou a responsável pela editoria de cultura. A publicação abrange todos os assuntos, desde política até esportes.
O Brazilian News é feito por colaboradores e distribuído em pontos “brasileiros” de Londres, como cafés, money tranfers e agências de intercâmbio como a LondonHelp4U.


Leros: Revista mensal totalmente colorida com aproximadamente 140 páginas. É mais uma publicação de classificados (catálogo de anúncios) do que de notícias. As notas e matérias abordam assuntos diversos, mas são basicamente releases e tópicos tirados da internet. A diagramação não é muito clean e abusa do negrito (parágrafos inteiros, o que não favorece a leitura).

Revista da Record: Publicação bimestral com uma média de 50 páginas, todas coloridas. É uma extensão da TV Record em forma de revista. Aborda os atores, apresentadores e os programas da emissora. Diagramação bonita, limpa. Conteúdo não muito interessante.

Jungle Drums: Revista mensal especializada em cultura. Aborda tópicos relacionados ao contexto brasileiro e da América Latina. Possui textos em português e em inglês (estilo revista de avião). Diagramação e recursos visuais bem utilizados, projeto gráfico excelente. O conteúdo também não deixa a desejar. Na minha opinião é a melhor opção entre as revistas.

Veja também a parte I – Transporte.

Veja também a parte II – Alimentação.

Veja também a parte III – Clima.

Veja também a parte IV – Jornais e Revistas.

Veja também a parte VI – A vida em casa de estudante/ dividindo casa ou flat.

Anúncios
Brazilian News

Barbican Hall recebe a MPB de Caetano Veloso

Um dos grandes nomes da música popular brasileira faz parte da lista de atrações do verão londrino. Caetano Veloso apresenta-se no Blaze Festival, no dia 3 de julho. O show acontece no Barbican Hall, às sete e meia da noite.

Caetano é natural da Bahia e começou a carreira musical interpretando canções de bossa nova, sob influência de João Gilberto. Seu nome está relacionado ao movimento cultural da Tropicália. Canções da sua autoria como “Alegria alegria” e “É proibido Proibir” marcaram o período.

Em Londres, Caetano segue a divulgação do álbum Zii e Zie. O título é italiano e em português significa “Tios e Tias”. O trabalho é voltado ao samba e composto por 13 canções.

O show vai ser seguido de uma edição especial do Lates Barbican, com participação da Asphalt Orchestra. O grupo é formado por 12 músicos que misturam rock e jazz de uma forma inovadora. Além da orquestra, participam do Lates também Tokyo-chutei-ik e o artista audiovisual Mike Chavez-Dawson.

Sobre o festival

Blaze é um festival anual de verão promovido pelo Barbican. A edição de 2010 acontece entre os dias 19 de junho e 30 de julho em espaços ao ar livre no leste de Londres.

Grandes artistas internacionais e eventos em lugares como o histórico Hackney Empire marcam esta segunda edição do festival. Uma característica central do Blaze é a diversidade musical. Os shows vão desde jazz até rock e reggae.

Além de Caetano Veloso, o evento apresenta também a artista brasileira Céu. Ela sobe ao palco no dia 15 de julho, no Hackney Empire, com a banda colombiana Bomba Estéreo.

Céu é cantora e compositora. Começou sua carreira artística em 2002. Atualmente, divulga o trabalho “Vagarosa”, seu segundo disco. Já o grupo de Bogotá, Bomba Estéreo, é uma mistura de ritmos dançantes.

No dia 24 de julho é a vez do Brasil novamente estar em foco no Blaze. Mayra Andrade faz show no Barbican Hall com Gurrumul, cantor, compositor e instrumentista australiano. Mayra divulga pela Europa o trabalho “Stória, Stória…”. Além da apresentação em Londres, participa de eventos em julho na França e na Alemanha.

Quando
3 de julho, às 19:30pm

Onde
Barbican Hall
Silk Street
London, EC2Y 8DS

Quanto
A partir de £10
Para comprar o ingresso: AQUI

Brazilian News

A crueldade vista pela dança de Deborah Colker


Amor, luxúria, obsessão e rejeição. Aspectos obscuros das relações humanas retratados através da dança. Esta é a proposta do espetáculo Cruel, da Companhia de Dança Deborah Colker. A apresentação acontece em Londres entre os dias 29 de junho e 03 de julho, no Barbican Theatre.

Cruel é uma série aberta de elementos narrativos que só se completa com o olhar do espectador. São histórias repetidas, que se atam e desatam. Um show completo de dança, expressão e arte.

A montagem teve início em 2008. Foi uma construção coletiva, onde novos elementos acabaram acrescentados ao trabalho, como um texto de Fausto Fawcett e uma história escrita por Fernando Muniz.

A trilha sonora é marcada por peças clássicas de Vivaldi, Dvorak e Chopin. A música evocativa encontra seu lugar no espetáculo que mostra um mundo de sonho. A dança contemporânea é combinada com trajes luxuosos e iluminação atmosférica. Uma ótima opção de evento para os amantes da dança, mas também promessa de sucesso perante apreciadores da arte e da expressão humana.

Quando
29 de junho – 03 de julho, 19:45 pm

Onde
Barbican Theatre
Silk Street
London, EC2Y 8DS

Quanto
A partir de £10
Para comprar o ingresso: AQUI

Brazilian News

Casuarina traz samba para a noite londrina

* Outro dos meus filhotes feito para o Brazilian News, jornal de Londres.

O grupo Casuarina é a atração do Guanabara na próxima quarta-feira, dia 26 de maio. O show faz parte da terceira turnê da banda pela Europa e da divulgação do CD, DVD e Blu-Ray “MTV apresenta: Casuarina”, lançado no fim de 2009. Ao todo, neste ano, serão 23 apresentações em diversos países europeus, como França, Holanda e Bélgica.

O repertório de clássicos do samba e de músicas próprias promete animar a noite londrina. É a primeira vez que o grupo apresenta-se na capital inglesa. Conforme destaca João Fernando, integrante da banda, é um espetáculo para agradar tanto os brasileiros que moram em Londres quanto os estrangeiros.

Criado em 2001, o Casuarina é um dos principais grupos da nova cena carioca de samba. A banda é formada por Daniel Montes, violão de 7 cordas, Gabriel Azevedo, voz e percussão, João Cavalcanti, voz e percussão, João Fernando, vocais e bandolim, e Rafael Freire, vocais e cavaquinho. No último trabalho, o quinteto divide canções com grandes nomes da música brasileira como: Moska, Roberto Silva, Frejat, Wilson Moreira e Moinho.

Quando
26 de maio, às 19:00pm

Onde
Guanabara
Parker Street
London, WC2 5PW

Quanto
A partir de £7

Brazilian News, Jornalismo

Música brasileira e portuguesa para encantar Londres

* Matéria publicada no jornal londrino Brazilian News. Feita por mim =)

Vinicius Cantuária apresenta-se na próxima semana no Barbican Hall, em Londres. O artista brasileiro sobre ao palco com o português Rodrigo Leão e Cinema Ensamble, na terça-feira, dia 25 de maio.

Vinicius é cantor, compositor, guitarrista e percussionista. Seu trabalho conecta diversas áreas da música, através do jazz e da Música Popular Brasileira – MPB. O repertório vai desde Jobim até Gilberto Gil.

Grande parte da sua carreira foi como integrante da banda de rock O Terço. O grupo surgiu em 1968 e tinha na formação original Jorge Amiden na guitarra, Sérgio Hinds no baixo e Cantuária na bateria.

As músicas de Cantuária reproduzem-se em vozes importantes. Um dos destaques é “Lua e Estrela”, escrita para Caetano Veloso, em 1981. Outra gravação de sucesso foi da música “Só Você”, reproduzida por Fábio Júnior, que vendeu mais de dois milhões de cópias no Brasil.

O músico é natural de Manaus, mas morou praticamente durante toda vida no Rio de Janeiro. Na capital carioca Cantuária viveu sua juventude e importantes momentos profissionais. Em 1995, mudou-se para Nova York, onde montou um estúdio para desenvolver a sua prática musical.

Seu último trabalho é “Cymbals”. O álbum foi gravado nos Estados Unidos e agora está sendo sendo divulgado na Europa.

Rodrigo Leão, parceiro de Cantuária na turnê por países europeus, possui uma carreira tão singular quanto a do artista brasileiro. Leão é português e figura importante no cenário musical do seu país.

Ele foi integrante do grupo Sétima Legião, que surgiu em 1982. A banda foi fundamental na revitalização da música portuguesa da década de 1980. O trabalho com Pedro Oliveira e Nuno Cruz proporcionou ainda desenvolvimento individual para o artista.

Seu trabalho seguinte foi com a banda Madredeus, com quem gravou 5 álbuns e fez sucesso internacional. Mesmo assim, Leão optou pela carreira solo, que começou a ser projetada em 1993.

Seu trabalho atual chama-se “A Mãe” e tem a parceria do Cinema Ensemble, que conta com Celina da Piedade, Vieira Ana, Viviena Tupikova, Marco Pereira, Bruno Silva, Luís Aires e Luís Payo.

Para o show em Londres o público pode esperar misturas sonoras inusitadas, que evoluem de acordes clássicos para combinações mais ousadas. Enfim, um espetáculo musical para quem já sente saudade da língua portuguesa – ou não quer nem chegar a sentir.

Quando
25 de maio, às 19:30pm

Onde

Barbican Hall
Silk Street
London, EC2Y 8DS

Quanto
A partir de £15
Para comprar o ingresso: aqui!