Acordei com vontade de tocar hoje. Encostar. Sentir. Estar perto. Encaixar os braços em um abraço.
Vontade de exercitar a visão. Enxergar. Notar cada detalhe do rosto de quem eu amo. Ver as marcas da idade na pele.
Queria também ouvir os ruídos da minha casa. Os latidos no jardim. A TV alta na sala.
Meu corpo clama pelos cheiros conhecidos. O churrasco de domingo do vô. A comida da mãe. A grama molhada. A roupa bem lavada.
Preciso sentir os gostos de sempre. Do chimarrão de sempre. Dos beijos de sempre.

É, definitivamente senti saudade.

Anúncios